GENTILEZA GERA GENTILEZA!

"Assim como o sol derrete o gelo, a gentileza evapora mal-entendidos, desconfianças e hostilidade" Albert Schweitzer

 

A gentileza é importante para o entendimento e prática desse atributo considerado essencial para o bem-estar humano. Ser gentil é um atributo complexo, muito mais profundo do que ser educado. Tem a ver com caráter, valores e ética. Sobretudo, tem a ver com o desejo de transformar o mundo em um lugar mais humano e feliz para todos. Ser gentil é efetivamente querer promover o bem-estar do outro. Dessa forma, é preciso refletir sobre o modo como se tem relacionado consigo mesmo, com as pessoas e com o mundo. É essencialmente assumir a posição de humano, aproximando-se de seus semelhantes.

Ser gentil nada tem a ver com ser bobo e fazer o que todos querem que nós façamos. Muito pelo contrário: quanto mais gentil somos com as pessoas, mais gentil somos também com nossa verdade, com nossos valores.

Quem tem tempo hoje em dia para segurar uma porta para entrar no carro, pedir licença, por favor ou cumprimentar as dezenas de pessoas que se chega a encontrar num dia? É difícil ser gentil quando estamos envolvidos com nossos próprios problemas, mas é mais difícil conviver com a falta de gentileza dos outros. Principalmente ao dar com uma porta fechada na cara, ter a lataria do carro amassada por um apressadinho ou passar pela sensação de ser invisível ou até por uma falta de carinho. A ideia de que ser gentil vale a pena e traz benefícios tem sido comprovada por diversos estudos.

A gentileza talvez ajude a regular as emoções, causando impacto positivo sobre a saúde. Se nosso instinto biológico automático do tipo “lutar ou correr” ficar ativo demais por causa do estresse, o sistema cardiovascular é afetado e a imunidade do corpo enfraquece. Pessoas que vivem relações afetuosas e são capazes de encarar a maioria dos desafios com otimismo tendem a viver mais e com mais qualidade.

Diferentes estudos sugerem que emoções positivas fortalecem o sistema imune, por consequência, diminui o risco de contrair resfriados e conviver com processos de inflamação crônica. Outros trabalhos indicaram menor propensão a doenças cardiovasculares, dores de cabeça, fraqueza etc.  

Ser gentil é uma escolha pessoal que independe das atitudes do outro e não é uma troca. Tem a ver com a amabilidade natural que demonstra delicadeza genuína e causa uma boa impressão sincera. Uma pessoa gentil é sempre atenciosa e educada, sabe ouvir e respeitar opiniões alheias, mesmo quando não tratada da mesma forma. Isso porque reconhece que uma pessoa indelicada, que não sabe retribuir gentileza, é alguém infeliz e que, portanto, precisa receber um tratamento diferenciado. Quem não gosta de ser bem tratado? Quem não gosta de, na hora de um aperto, ter alguém por perto para nos dar a mão? Quem não se sente bem diante de um sorriso verdadeiro? Quem não gosta de ver seu nome pronunciado por alguém?

Atitudes de carinho, respeito e atenção fazem toda a diferença. E as pessoas que agem com gentileza, com respeito e consideração são sempre muito admiradas por quem recebe um comportamento tão agradável, produto de uma pessoal gentil.

Equipe de Psicologia, Paróquia Cristo Operário

Postagens relacionadas

Rebeca foi escolhida ao dar de beber aos camelos do servo de Isaque.(Gn 24,14-24) A samaritana foi convertida por causa de um gole de água. (Jo 4,7) Jesus provavelmente tinha sede quando pediu àquela mulher de outro povo, de outra religião e de outros costumes que lhe desse

Ver completo

“Seria uma bênção acordar sangrando. Haveria testemunhas para esse fato impossível de ser ignorado. Há sangue! Procura-se por um ferimento, uma causa, um trauma. Ninguém sangra à toa. Mas há quem sangre de forma secreta, silenciosa, solit&

Ver completo

Nos dias atuais muitas queixas  resumem-se numa composic¸a~o variada de tons sombrios e melanco´licos. Eles dissipam o colorido e da~o a sensac¸a~o de que todos os dias sa~o iguais, que nada de especial acontece. Invadem de desa^nimo todo o ser, como se a vida fosse uma mesmic

Ver completo

Presenciamos, frequentemente, condutas tão contraditórias que, por vezes, deixam-nos constrangidos. Pior é quando passam a ser vistas com naturalidade. Somos seres contraditórios, é verdade, no entanto, os princípios éticos, os valores, parecem cada v

Ver completo

“Amigo é coisa para se guardar/ No lado esquerdo do peito/ Mesmo que o tempo e à distância digam "não"/ Mesmo esquecendo a canção/ O que importa é ouvir/ A voz que vem do coração”. Amizade é o relacionament

Ver completo

OS PORQUÊS DA CRÍTICA           A coisa mais fácil do mundo é criticar o outro sem procurar saber por que ele diz o que diz e por que faz o que faz. Na Igreja Católica, o caminho mais fácil é criticar o

Ver completo

Psicologia infantil é a área da psicologia responsável por investigar e estudar as manifestações da mente da criança, incluindo pensamentos (medo, morte...), características físicas (roer unhas, xixi na cama, mordidas...) , lingüíst

Ver completo